AZ Quest projeta retomada do crescimento no quarto trimestre

A reforma da previdência, aprovada pelo Senado em 22 de outubro, reforçou a confiança da AZ Quest na sua projeção de crescimento do produto interno (PIB) para 2020, de 2,5%. Responsável pela gestão de cerca de R$ 20 bilhões, a asset considera que a solução de um dos principais problemas do país na área fiscal gera boas expectativas para o mercado, que, de quebra, acompanha atentamente a evolução ainda lenta, mas progressiva, de alguns indicadores econômicos, casos das vendas do varejo, da tomada de crédito por pessoas físicas e da redução do desemprego. 

“Os 157.213 empregos com carteira assinada criados em setembro foram o melhor resultado para o período em seis anos e garantiram o sexto saldo positivo seguido para as contratações de mão de obra”, comenta o CIO Alexandre Silvério. “A liberação de saques do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço, o FGTS, deve aquecer a economia ainda neste quarto trimestre. A partir daí, acreditamos que a atividade econômica tenderá a ganhar maior dinamismo.” 

O desempenho da gestora na atual temporada é dos mais satisfatórios. A captação líquida até outubro soma R$ 2,5 bilhões, com destaque para os produtos de maior risco, fundos de investimentos em ações e multimercados. Na avaliação de Silvério, a renda variável, que vem ganhando gás com operações de IPO e de ofertas subsequentes, promete bons retornos no próximo ano. “Nossas expectativas para 2020 incluem um crescimento de 15% no lucro das empresas listadas na B3 e uma alta da bolsa de valores na faixa entre 20% a 30%”, observa Silvério.


Cadastre-se e receba gratuitamente newsletter do site Investidor Institucional, com síntese das nossas notícias diárias. Preencha os dados abaixo e nos envie, inserindo a seguir o email ii@investidorinstitucional.com.br na sua lista de contatos para não sermos barrados como spam.
Li e concordo com termos e condições de uso