Grupo da Anbima reduz projeção da Selic para 5,25% no fim do ano

O Grupo Consultivo Macroeconômico, da Anbima, reduziu a estimativa para a Selic deste ano pela segunda vez consecutiva estimando que chega ao final do ano em 5,25%, contra projeção anterior que era de 5,75%.

“Nossa avaliação geral é de que o cenário do país está favorável para a redução da Selic. A inflação abaixo da meta e o baixo dinamismo da atividade econômica em um ambiente mais construtivo, principalmente após a aprovação da Reforma da Previdência em primeiro turno, contribuem para que os juros atinjam níveis mais baixos, o que pode permitir o reaquecimento do consumo e dos investimentos”, afirma Fernando Honorato, presidente do grupo.

Em relação à inflação, o grupo projeta que o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) deve permanecer abaixo da meta (4,25%) pelo terceiro ano consecutivo, com 3,8% no encerramento de 2019. O grupo avalia que o quadro está mais favorável após as pressões pontuais observadas nos preços dos combustíveis, alimentos e serviços no primeiro semestre.

Sobre a atividade econômica, o grupo projeta PIB (Produto Interno Bruto) de 0,8% para 2019, o mesmo apontado na reunião anterior, em junho. Em relação ao cenário externo e dólar, o grupo reduziu a projeção da moeda americana para o encerramento de 2019, de R$ 3,80, apontado na reunião anterior, para R$ 3,78.


Cadastre-se e receba gratuitamente newsletter do site Investidor Institucional, com síntese das nossas notícias diárias. Preencha os dados abaixo e nos envie, inserindo a seguir o email ii@investidorinstitucional.com.br na sua lista de contatos para não sermos barrados como spam.
Li e concordo com termos e condições de uso