Lucro líquido do Votorantim cresce em 3 e 6 meses

O lucro líquido do Banco Votorantim no segundo trimestre de 2019 foi de R$ 352 milhões, representando um Retorno sobre Patrimônio Líquido (ROE) de 15,2%, superior aos 14,8% reportado no 1T19. No comparativo semestral o resultado foi ainda mais expressivo, com aumento de 35% de no lucro líquido em relação ao primeiro semestre de 2018, totalizando R$ 688 milhões.

"O resultado reflete nosso plano estratégico de rentabilização dos negócios, o aumento da eficiência operacional e a diversificação das receitas. Seguimos com nossos investimentos na transformação digital para melhorar a experiência do nosso cliente, reforçando nossa cultura e ampliando o engajamento dos nossos colaboradores", destaca Elcio Jorge dos Santos, presidente do Banco Votorantim.

Segundo nota distribuída pelo banco, entre outros fatores que contribuíram para os bons resultados nesse início do ano está a captação de R$ 1,2 bilhão pelo novo fundo imobiliário da Votorantim Asset Management (VAM). O FII Green Towers, cujas cotas começaram a ser negociadas na B3, atraiu aproximadamente sete mil cotistas, quase todos pessoas físicas, sendo o maior fundo de investimento imobiliário captado no país nos últimos seis anos.


Cadastre-se e receba gratuitamente newsletter do site Investidor Institucional, com síntese das nossas notícias diárias. Preencha os dados abaixo e nos envie, inserindo a seguir o email ii@investidorinstitucional.com.br na sua lista de contatos para não sermos barrados como spam.
Li e concordo com termos e condições de uso