Perspectiva de queda no volume de fusões e aquisições e IPO em 2020

Pesquisa global realizada pelo escritório Baker McKenzie e Oxford Economics, em cooperação com Trench Rossi Watanabe, prevê queda no volume de fusões e aquisições (M&A) e ofertas públicas iniciais de ações (IPO) no Brasil em 2020 comparado a 2019.

Segundo a pesquisa, a previsão é de uma redução de aproximadamente 9% no valor das M&A, de US$ 40,4 bilhões em 2019 para R$ 37 bilhões em 2020. No que se refere a IPOs, o estudo indica redução de 32% nos valores negociados, de US$ 1,46 bilhão para US$ 1 bilhão, na comparação dos dois anos.

De acordo com Lara Schwartzmann, sócia do Trench Rossi Watanabe, "a expectativa de aprovação de importantes reformas para endereçar o déficit fiscal e propiciar um ambiente de negócios mais favorável no país vem impactando positivamente as transações no Brasil. Contudo, as turbulências políticas e econômicas pelas quais os países da América Latina passam afetaram a decisão de investidores estrangeiros que buscavam evitar os riscos de investir no mercado nacional", comenta.


Cadastre-se e receba gratuitamente newsletter do site Investidor Institucional, com síntese das nossas notícias diárias. Preencha os dados abaixo e nos envie, inserindo a seguir o email ii@investidorinstitucional.com.br na sua lista de contatos para não sermos barrados como spam.
Li e concordo com termos e condições de uso